LEHC UFRJ lança quinta edição do Boletim de Conjuntura: Eleições 2018 – América Latina e Europa

capaboletim5

Por Pedro Martinez

O ano de 2018 até o momento representa um ponto marcante nas duas regiões que são tema desse boletim. Tanto na América Latina quanto na Europa processos eleitorais representam parte da remoldagem uma conjuntura que está sendo analisada há três anos pelo Laboratório de estudos sobre Hegemonia e Contra-Hegemonia (LEHC) da Universidade Federal do Rio de Janeiro nesse periódico.

No primeiro artigo, Carlos Serrano passa pelos processos eleitorais europeus a partir do avanço de partidos e movimentos de extrema direita, muitas vezes substituindo ou ameaçando uma hegemonia bipartidária.

Seguimos com três artigos sobre países na América Latina aonde processos políticos distintos estão em marcha: No Brasil,  Carlos Eduardo Martins analisa o fenômeno da popularidade de Bolsonaro e um processo de escalada do fascismo no maior país da américa do sul. Na Venezuela, a consolidação do governo de Nicolás Maduro após constituinte e eleição são o tema do artigo de Mayra Goulart com Beatriz Lourenço e Júlio Cesar Pereira de Carvalho.

Joana Coutinho analisa a eleição de López Obrador no México, o quê representa a maior vitória dos campos progressistas na América Latina no ano.

Por fim, Ísis Camarinha e Pedro Martinez apresentam um mapeamento de governos e regimes a partir do cenário eleitoral desse ano.

Quem desejar baixar a 5a. edição do Boletim de Conjuntura do LEHC UFRJ, basta cliar [Aqui!]

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s