Serviço Geológico lança sistema de alerta hidrológico no rio São Francisco nesta sexta-feira (17)

Ao todo, 17 sistemas de alerta hidrológico são operados pelo SGB-CPRM em todo o território nacional

Conhecido por Velho Chico, o novo SAH vai acompanhar o comportamento de um dos mais importantes cursos de água do Brasil

O Serviço Geológico do Brasil (SGB-CPRM), por meio do Departamento de Hidrologia (DEHID), da Diretoria de Hidrologia e Gestão Territorial (DHT), deu início, nesta sexta-feira (17), à operação do Sistema de Alerta Hidrológico (SAH) da bacia do Rio São Francisco, importante rio brasileiro que se situa nos estados de Minas Gerais, Bahia e Pernambuco.

O sistema visa monitorar e gerar informações hidrológicas de qualidade, para subsidiar a tomada de decisões por parte dos órgãos relacionadas à mitigação dos impactos de eventos hidrológicos extremos. O projeto está sendo desenvolvido em parceria com a Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA), por meio da operação da Rede Hidrometeorológica Nacional.

Estiveram presentes no evento, realizado de forma remota, a diretora de Hidrologia e Gestão Territorial do SGB-CPRM, Alice Castilho, o superintendente de Belo Horizonte (SUREG/BH), Marlon Coutinho, o chefe do Departamento de Hidrologia (DEHID) do SGB-CPRM, Frederico Peixinho, o gerente de hidrologia e gestão territorial de Belo Horizonte (GEHITE/BH) e o coordenador dos SAH do SGB-CPRM, engenheiro Artur Matos.

A diretora Alice Castilho fez uma breve retrospectiva sobre os momentos marcantes da bacia e relembrou que em janeiro de 2020, houve uma cheia histórica nas cabeceiras do rio São Francisco. Além disso, a pesquisadora comemorou o lançamento de um novo SAH no país.

“Agora, já somamos, com esse novo sistema de alerta da calha do rio São Francisco, 17 sistemas de alerta hidrológico, em um período de 30 anos de experiência nessa atividade”, destaca a diretora.

Na imagem, todos os sistemas de alerta operados pelo SGB-CPRM no Brasil

O superintendente Marlon Coutinho celebrou, também, o mais novo projeto do SGB-CPRM. “Esse é o terceiro sistema operado no estado de Minas Gerais e muito nos orgulha por sua relevância e impactos positivos gerados na sociedade. Com ele, podemos mitigar perdas materiais e humanas”, afirma.

“A implantação desse sistema ainda é o primeiro passo. As etapas seguintes são desafiadoras, pois buscamos mitigar eventos extremos e o mais importante: salvar vidas” acrescentou o especialista Frederico Peixinho sobre a magnitude do projeto.

O coordenador dos SAH do SGB-CPRM, Artur Matos, salientou que o lançamento do novo sistema de alerta corrobora com a missão do SGB-CPRM: gerar e disseminar conhecimento geocientífico com excelência, contribuindo com a melhoria da qualidade de vida e desenvolvimento sustentável do Brasil.

“Além disso, os sistemas de alerta respondem a três questões principais: o nível que o rio atingirá; em quanto tempo; e qual população será atingida. Assim, as comunidades ribeirinhas e a Defesa Civil podem se preparar antecipadamente. É um trabalho conjunto que busca mitigar impactos de eventos extremos em um determinado local”, frisa Matos.

O SGB-CPRM já possui o SAH do rio das Velhas, que está na cabeceira do rio São Francisco. Agora, está ampliando o monitoramento com a operação na calha principal do rio São Francisco. “Os principais beneficiados serão as pessoas que moram nas margens dos rios, que costumam ser uma população mais vulnerável e com baixo poder aquisitivo”, destaca o engenheiro do SGB-CPRM, Artur Matos. O sistema vai inicialmente gerar previsões para quatro municípios de Minas Gerais: Pirapora, Buritizeiro, São Romão e São Francisco, localizadas às margens do rio São Francisco.

Na transmissão, especialistas do SGB-CPRM debatem e comemoram a grandiosidade do projeto

Para saber mais sobre o SAH, clique aqui.

O lançamento teve transmissão ao vivo no Youtube e pode ser vista a qualquer momento na TV CPRM .

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s