Bolsogate: imprensa portuguesa repercute imbróglio dos depósitos de Flávio Bolsonaro

bolsogate 1

Ao contrário da mídia corporativa brasileira que continua em sua maioria avassaladora “mordendo e assoprando” o ainda a ser empossado Flávio Bolsonaro no escândalo envolvendo depósitos suspeitos que foram feitos em sua conta bancária, em Portugal o nome dado ao caso é bem revelador… Bolsogate.

Em matéria assinada pelo jornalista João Almeida Moreira do “Diário de Notícias”  a repercussão aos 48 depósitos de R$ 2.000,00 feitos na conta de Flávio Bolsonaro em um mesmo mês (santa coincidência de valores!) , cita explicitamente que se trata de um “Bolsogate” na medida em que o problema também envolve a primeira dama Michelle Bolsonaro e o próprio pai e presidente da república, Jair Bolsonaro [1].

bolsogate

A matéria cita ainda que “fontes do governo (Bolsonaro) citadas anonimamente na imprensa admitem que o caso, mesmo envolvendo dois membros do clá Bolsonaro, Flávio e Michelle, que não fazem parte do executivo, causam desgaste ao presidente da República recentemente empossado.”

E eu complemento.. isso é tanto verdade que um governo que nem completou um mês de vida já dá todos os sinais de ter esclerosado precocemente.