National Geographic apresenta conteúdos inspiradores no Dia Mundial do Meio Ambiente e dos Oceanos

DIA-MEDIO-AMBIENTE-VERT_bra

São Paulo, 4 junho 2020 – “A Terra não é uma herança de nossos pais, mas um empréstimo de nossos filhos”. Este famoso provérbio indiano nos inspira a proteger nosso planeta agora e nos próximos anos. Ele está especialmente presente no trabalho de conservacionistas e amantes da natureza que cuidam do meio ambiente, apoiam a proteção de habitats e da natureza; a preservação da vida selvagem e a redução dos impactos que a atividade humana tem sobre eles.

Para promover o desenvolvimento da conscientização e dos valores da conservação da natureza, na sexta-feira, 5 de junho e segunda-feira, 8 de junho, o National Geographic apresenta um programa especial que revela o estado atual do mundo e convida você a refletir sobre a importância de preservação do meio ambiente e dos oceanos.

A proposta começa no Dia Mundial do Meio Ambiente, na sexta-feira 5 de junho a partir das 16h20 com documentários temáticos que incluem produções como: Resgate de Leões-Marinhos onde uma equipe de veterinários e especialistas em vida selvagem luta para salvar vidas marinhas que morrem todos os anos em redes de pesca descartadas no mar. Em seguida, às 17h10 é a vez de Paraíso SubAquático: A Defesa dos Oceano que mostra uma história repleta de aventuras e espetacularmente bela sobre o nascimento do movimento global para proteger o mar. Esse documentário tem Martin Sheen como produtor executivo.

No Dia Mundial dos Oceanos, em 8 de junho, a National Geographic exibe às 15h35 três episódios de Os Gigantes do Oceano, onde o oceanógrafo, explorador e defensor do mundo marinho François Sarano viaja para aprender mais sobre os titãs das profundezas e seus segredos de sobrevivência. Às 18h o canal estreia o documentário Perseguição em Alto Mar: Espécies em Risco, que mostra a história um grupo de cientistas, ativistas com alta tecnologia, jornalistas investigativos e corajosos agentes secretos tentam resgatar a baleia mais ameaçada e mais rara da Terra no Mar de Cortez (México).

Nos últimos meses, o canal manteve um aumento de público na região(1), trazendo conteúdo inspirador e motivando mudanças positivas. Da mesma forma, o National Geographic convida você a fomentar a conscientização, inspirando outras pessoas a compartilhar suas ações positivas para o planeta usando a #TodaAjudaConta. Para mais informações, acesse: https://www.nationalgeographicbrasil.com/meio-ambiente

  1. A National Geographic registra um aumento de 46% na audiência no nível pan-regional em comparação com o período anterior a 11 de março de 2020. Fonte: Kantar Ibope Media AR-BR-CH-CO-MX-PE | Alvo: Pay / P25-54HM | Horas: Horário nobre 18: 00-24: 59 | Períodos: pré-isolamento W5-W10 (a partir de 03/10), isolamento: W11 (a partir de 03/11) -W21

Sobre a National Geographic Partners

A National Geographic Partners LLC (NGP), uma operação conjunta entre a National Geographic Society e a Disney, está comprometida em trazer para o mundo conteúdos de ciência, aventura e exploração de classe mundial por meio de um portfólio de ativos de mídia incomparáveis. O NGP combina os canais de televisão internacionais da National Geographic (National Geographic, National Geographic Wild, Nat Geo Kids, Nat Geo Mundo, Nat Geo People) com mídia e bens de consumo da National Geographic, incluindo National Geographic, National Geographic Studios, plataformas de mídia social e digital relacionadas, livros, mapas, mídia infantil e atividades complementares, incluindo empresas de viagens, experiências e eventos internacionais, vendas de arquivos, licenciamento e comércio eletrônico. Aumentar o conhecimento e a compreensão do mundo tem sido o principal objetivo da National Geographic há 131 anos e agora está comprometido em cavar mais fundo, expandir fronteiras e ir mais longe para os consumidores … atingindo milhões de pessoas em todo o mundo. , em 172 países e 43 idiomas, todos os meses. O NGP aloca 27% de seus lucros para a National Geographic Society, uma organização sem fins lucrativos, para financiar seu trabalho nas áreas de ciência, exploração, conservação e educação. Para mais informações, acesse https://www.nationalgeographicbrasil.com/ 

National Geographic divulga 10.000ª espécie do projeto Photo Ark que registra animais ameaçados de extinção

O Photo Ark da National Geographic é uma iniciativa do fotógrafo Joel Sartore e que tem o objetivo de inspirar ações para salvar a vida selvagem através da fotografia dos animais. 

image002

O gato-chileno, o menor gato selvagem da América, é a espécie mais recente que se juntou ao PhotoArk. O retrato do gato selvagem tirado por Sartore na Fauna Andina – uma reserva de vida selvagem no Chile – é um marco importante do projeto que está em desenvolvimento há quase 15 anos. O fotógrafo também registrou um áudio exclusivo da espécie.

Joel Sartore, pesquisador da National Geographic, fotógrafo e criador do Photo Ark da National Geographic, anunciou a adição da 10.000ª espécie ao seu projeto: o gato-chileno, o menor gato selvagem da América. O Photo Ark da National Geographic é uma iniciativa de Sartore para documentar todas as espécies que vivem em zoológicos e santuários de vida selvagem com o objetivo de usar o poder da fotografia para inspirar as pessoas a tomar medidas para garantir a existência da espécie antes que seja tarde demais. Em conjunto com a fotografia das 10.000 espécies do Photo Ark, Sartore divulgou o que cientistas e ecologistas pensam ser provavelmente a primeira gravação de áudio do gato-chileno.

Esse marco crucial significa que Sartore completou cerca de dois terços do Photo Ark da National Geographic, na qual ele estima incluir retratos de 15.000 espécies no total. Uma vez concluído, será um registro importante da biodiversidade da Terra e um poderoso testemunho da importância de proteger as espécies estranhas e maravilhosas que tornam nosso planeta único. O Photo Ark inclui vários tipos de animais, como pássaros, peixes, mamíferos, anfíbios e répteis. Com fundos em preto e branco, Sartore faz todas as criaturas em pé de igualdade, fazendo com que um besouro-tigre pareça tão grande quanto um tigre.

“Temos muito mais trabalho pela frente”, disse Sartore. “Este é um marco emocionante. Através do Photo Ark, fomos capazes de destacar a importância de espécies que, de outra forma, não receberiam a atenção que merecem. Convidamos todos a refletir sobre o que cada um pode fazer para proteger nosso planeta e as espécies que nele vivem”.

Gato-chileno, o menor gato selvagem da América

A 10.000ª espécie do Photo Ark é uma criatura bastante esquiva. O gato-chileno está listado como uma espécie vulnerável na Lista Vermelha da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN), e a população desses animais foi reduzida devido à degradação do habitat, doenças emergentes causadas por gatos, mortes por vingança por predação de aves e mortes acidentais de carro.

Felizmente, os ecologistas e santuários da vida selvagem do Chile estão trabalhando para proteger esta espécie única de gato selvagem. O gato-chileno fotografado por Sartore é cuidado pela Fauna Andina, uma reserva de vida selvagem no Chile que trabalha para reabilitar pequenos gatos e, finalmente, libertá-los em seu habitat natural. Da mesma forma, a National Geographic apoia ecologistas como o Dr. Constanza Napolitano, explorador da National Geographic, professor da Universidade de Los Lagos em Osorno, Chile, e membro do Grupo de Especialistas em Gatos da IUCN, que está implementando atividades de conservação para reduzir as principais ameaças que afetam a sobrevivência do gato-chileno.

____________________

National Geographic também lançou edições personalizadas dos livros “The Photo Ark” e “National Geographic Kids Photo Ark”. (“National Geographic Kids Photo Ark” foi recentemente incluído como parte das melhores seleções de livros da Amazon em março.)

Para obter mais informações sobre a National Geographic Photo Ark, conservação e proteção de espécies, visite o site do Photo Ark.

Para saber mais acesse o site da National Geographic: https://www.nationalgeographicbrasil.com/animais/2020/05/conheca-o-gato-chileno-felino-com-menos-de-3-kg-ameacado-de-extincao

National Geographic lança plataforma “Aprenda em Casa” com conteúdo educativo e divertido

A plataforma digital é gratuita e conta recursos divertidos, seguros e com grande valor educativo para crianças, jovens e suas famílias, que se somam aos conteúdos que o National Geographic oferece neste momento especial para a comunidade global

A National Geographic apresenta o “AprendeCasa, uma proposta digital que tem o objetivo de inspirar crianças e suas famílias, por meio de um conteúdo prático, educativo e divertido. A iniciativa considera a necessidade de se achar na internet recursos informativos sobre o mundo natural e a ciência por trás dele, e busca contribuir para gerar curiosidade, atrair os estudantes e inspirar o espírito de exploração em casa.

Com conteúdo para vencer o tédio como jogos, até vídeos e galeria de fotos, AprendeCasa é uma página exclusiva apoiada por especialistas em diversas áreas, que asseguram que os conteúdos são seguros e apropriados para cada idade, além de contribuírem positivamente para o aprendizado de toda a família.

Além disso, o canal oficial do NationaGeographiBrasinYoutubconta com a playlist “Aprende em Casa”, com vídeos que completam o conteúdo educativo digital desta nova página do National Geographic.

Instagram: @natgeobrasil

Facebook: Facebook.com/natgeo.brasil

Twitter:  Twitter.com/natgeobrasil

YouTube: http://www.youtube.com/channel/UCFupUY6CNLg5Z7U7u4oEb5w