Divullgação da Campanha Pare TKCSA

pare t kcsa

Nesse momento precisamos apoiar e participar da Campanha Pare TKCSA (Companhia Siderurgica do Atlântico) ampliando a divulgação para os crimes e violações cometidos pela empresa, no bairro de Santa Cruz, Rio de Janeiro. A empresa funciona desde 2010 sem licença de operação, tipificando a ilegalidade. Os prazos para cumprimento do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) junto ao INEA já expiraram, e, além de não terem cumprindo os acordos, neste momento (próximos dias) o Estado pode conceder a licença de operação para a empresa, o que seria a consagração da poluição e dos impactos sobre a vida de centenas de famílias e trabalhadores.

Peço para que divulguem ao máximo em suas redes a Campanha Pare TKCSA, e que esta mensagem ganhe ressonância no parlamento, nos movimentos sociais, nas redes e demais articulações, aqui, no Brasil e no mundo

Acessem o blog paretkcsa.blogspot.com.br

Abaixo segue link para matéria onde a FIOCRUZ desmente a TKCSA com documento encaminhado ao Ministério Público do Rio de Janeiro.

http://www.epsjv.fiocruz.br/index.php?Area=NoticiaInterna&Num=298

O caso é muito grave!

DIVULGUEM!

Movimento “Pare TKCSA” lança blog e página no Facebook

Acabo de receber um pedido de divulgação de ativistas que estão empenhados na luta contra os efeitos devastadores que estão sendo causados pela Companhia Siderúrgica do Atlântico no ecossistema e na população que vive no entorno Baía de Sepetiba.

O endereço do blog é paretkcsa.blogspot.com.br) e a página do  Facebook é https://www.facebook.com/events/1431545387091087/?ref_dashboard_filter=upcoming) , ambas para divulgação dos malefícios que estão sendo impostos pelo funcionamento da TKCSA.

Os ativistas que estão impulsionando essas páginas lembram que a TKCSA (Thyssen Krupp Companhia Siderúrgica do Atlântico) continua a poluir a região de forma ilegal, e que os moradores daquela região estão pagando com a própria VIDA.

É preciso lembrar que o Termo de Ajuste de Conduta (TAC) não assinado pelo o Ministério Público vencerá em 10 de Abril e, que em função disso, haverá uma audiência em 27/04  para decidir se uma licença definitiva para a TKCSA será concedida ou não.