Para entender de vez os danos que estão sendo impostos pela asfixia financeira da UENF. O caso do radar meteorológico

DSC00449

A Associação de Docentes da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Aduenf) está produzindo uma série de vídeos para mostrar os graves prejuízos que estão sendo causados pelo (des) governo Pezão na capacidade da universidade de gerar conhecimento científico com forte impacto social e econômico.

Pois bem, posto abaixo o último destes depoimentos que é o oferecido pela chefe do Laboratório de Meteorologia (Lamet) da Uenf, profa. Maria Gertrudes Justi. Nesse vídeo a professora Justi fala da inviabilização objetiva da rede de radares meteorológicos que foi montado para prever com a qualidade e com a antecedência suficiente a ocorrência de eventos climáticos intensos como aquele que destruiu da parte da região Serrana em 2011.

O importante deste depoimento é que ele nos mostra que ao desfinanciar a Uenf e outros órgãos públicos como o Instituto Estadual do Ambiente (Inea), o que o (des) governo Pezão está fazendo é impedir que soluções para questões urgentes sejam geradas.

E que se lembre o fato de que neste momento o Rio de Janeiro está sendo desprovido de ferramentas fundamentais para a previsão de futuras crises, inclusive climáticas, ao se sucatear as universidades estaduais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s