Estudo na Science mostra que o aumento da toxicidade de agrotóxicos aplicados na agricultura moderna ameaça plantas, insetos aquáticos e polinizadores

agrotóxicosOs agricultores americanos estão usando quantidades menores de agrotóxicos mais bem direcionados, mas eles estão prejudicando polinizadores, insetos aquáticos e algumas plantas muito mais tempo do que décadas atrás, descobriu um novo estudo publicado na Science

Um grupo de cientistas da Universidade de Koblenz-Landau, Alemanha, mostrou que para plantas e insetos a toxicidade de agrotóxicos aplicados na agricultura aumentou substancialmente entre 2004 e 2016. Em um artigo publicado na atual edição atual Science , os autores mostram que esse padrão também é relevante em plantações que usam organismos geneticamente modificados (OGMs) que foram originalmente projetadas para reduzir os impactos de agrotóxicos no meio ambiente.

“Pegamos um grande corpo de dados de uso de  agrotóxicos nos Estados Unidos e expressamos mudanças nas quantidades aplicadas na agricultura ao longo do tempo como mudanças na toxicidade total dos agrotóxicos aplicados”, diz o autor principal Ralf Schulz, professor de Ciências Ambientais em Landau. “Isso fornece uma nova visão sobre as consequências potenciais que o uso de agrotóxicos na agricultura tem sobre a biodiversidade e os ecossistemas”.

A quantidade de inseticidas usados ​​na agricultura dos EUA diminuiu substancialmente em mais de 40% entre 1992 e 2016. Peixes, mamíferos e pássaros enfrentam toxicidades aplicadas mais baixas do que na década de 1990, porque as classes de inseticidas como os organofosforados, que apresentam alta toxicidade para vertebrados, são usado menos hoje.  Entretanto, invertebrados aquáticos e polinizadores, como as abelhas, ainda experimentam o oposto: apesar das quantidades aplicadas reduzidas, a toxicidade aplicada a esses grupos de espécies mais do que dobrou entre 2005 e 2015. Uma mudança nos inseticidas usados ​​para o uso de inseticidas piretróides e neonicotinóides é responsável por esta tendência.

 

schulz science

Tendências temporais na quantidade total de agrotóxicos aplicados (ou seja, massa) versus TAT ​​e principais classes de agrotóxicos que contribuem para a toxicidade aplicada durante um período de 25 anos. Ralf Schulz et al. Science 2021;372:81-84

A toxicidade aplicada também aumenta para os herbicidas, juntamente com a quantidade aplicada. Nesse caso, as plantas terrestres estão enfrentando o maior aumento na toxicidade aplicada. Plantas e polinizadores são ecologicamente fortemente conectados. O aumento simultâneo das toxicidades aplicadas em ambos os grupos alerta para potenciais efeitos negativos gerais fortes sobre a biodiversidade de plantas e insetos.

F2.large (1)

Tendências temporais na quantidade total de agrotóxicos aplicados (ou seja, massa) versus TAT ​​e principais classes de pesticidas que contribuem para a toxicidade aplicada durante um período de 25 anos

As safras de OGMs foram desenvolvidas para reduzir a dependência da agricultura do uso de agrotóxicos químicos. Os resultados do novo estudo, no entanto, revelam claramente que mesmo nas duas culturas de OGMs mais importantes nos Estados Unidos, milho e soja, a toxicidade aplicada aumenta, junto com o aumento da adoção de OGMs, nas mesmas taxas das culturas convencionais.

De acordo com os autores, os resultados do estudo provavelmente se aplicam a muitas outras regiões dominadas pela agricultura moderna, embora muitas vezes os dados para uma avaliação completa das tendências da toxicidade aplicada não estejam disponíveis publicamente. Ralf Schulz acrescenta: “Esses resultados desafiam as alegações de redução do impacto ambiental de pesticidas químicos tanto em safras convencionais quanto transgênicas e exigem ações para reduzir a toxicidade dos pesticidas aplicados na agricultura em todo o mundo”.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s