Webinar sobre a exposição ocupacional a agrotóxicos e seus efeitos na saúde dos trabalhadores agrícolas: estudos epidemiológicos no Chile e no Brasil

exposição

12 de maio de 2021

Hora: 12:00h – 13:30h (EST, USA) (Washington DC)

Série de webinars ISEE LAC-OPAS: uma colaboração para a educação permanente em epidemiologia ambiental

Inscreva-se aqui

Organização:  Capítulo para América Latina e Caribe da Sociedade Internacional de Epidemiologia Ambiental (ISEE-LAC) em colaboração com a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS / OMS)

Objetivos:  Apresentar os resultados de pesquisas recentes focadas na exposição ocupacional a agrotóxicos e gerar um espaço para discutir sua relevância e implicações para a saúde dos trabalhadores agrícolas dos países da América Latina e do Caribe.

Público-alvo:  Alunos inscritos no  Curso Online de Epidemiologia Ambiental do Campus Virtual de Saúde Pública ; alunos de graduação e pós-graduação, técnicos, profissionais e gestores de saúde ambiental e de saúde pública em geral e a população em geral com interesse no assunto.

Apresentações e palestrantes: 

1. introdução
A região da América Latina e do Caribe representa 14% da produção agrícola mundial e 23% das exportações mundiais de produtos agrícolas e pesqueiros. Embora a produção agrícola na região deva desacelerar nos próximos anos, seu rápido crescimento nas últimas décadas tem sido associado ao uso extensivo de pesticidas, uso limitado de equipamentos de proteção individual pelos trabalhadores agrícolas e à falta ou implementação inadequada de regulamentos relacionados a o uso de agrotóxicos. O uso intensivo de agrotóxicos na região, para fins agrícolas e de controle de vetores (por exemplo, para combater a dengue e a malária), resultou na exposição ocupacional crônica dos trabalhadores agrícolas aos agrotóxicos. Esses trabalhadores são expostos a misturas de pesticidas como inseticidas (por exemplo, organofosforados) e herbicidas (por exemplo, glifosato) por meio de sua aplicação direta ou de seu trabalho em campos agrícolas tratados com esses produtos químicos. Vários estudos epidemiológicos têm mostrado que a intoxicação aguda por pesticidas representa uma das principais causas de morbidade e mortalidade entre os trabalhadores agrícolas. Além disso, a exposição de longo prazo a pesticidas como organofosforados e carbamatos tem sido associada a uma ampla gama de efeitos crônicos na saúde, incluindo função neurocomportamental prejudicada, problemas respiratórios, obesidade e diabetes.

julieta-rodriguez

Apresentadora: Julieta Rodriguez, MD MScA SO

Bio:  Dra. Rodríguez é especialista em Saúde Ocupacional. Ela tem um Mestrado em Saúde Ocupacional e um Diploma em Epidemiologia Ocupacional. O Dr. Rodríguez atua como Assessor Regional de Saúde do Trabalhador na Unidade PS de Promoção da Saúde e Determinantes Sociais do Departamento de Família, Promoção e Curso de Vida FPL da Organização Pan-Americana da Saúde / Organização Mundial da Saúde (OPAS / OMS).
 

2. Exposição ocupacional e ambiental a agrotóxicos e efeitos na saúde dos agricultores familiares no Brasil

buralli

Palestrante: Dr. Rafael Buralli 

O Dr. Buralli apresentará os resultados de seu projeto de doutorado na Universidade de São Paulo. O projeto transversal avaliou a exposição a agrotóxicos e sintomas de intoxicação e efeitos na saúde respiratória e mental de agricultores familiares no Estado do Rio de Janeiro, Brasil.

Estava: Dr. Rafael Buralli é fisioterapeuta, mestre e doutor em Saúde Pública pela Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo (FSP / USP), com intercâmbio no Centro de Pesquisas em Meio Ambiente e Saúde da Criança (CERCH), da University of California (UC) em Berkeley e outro na University of Chile. Atualmente, o Dr. Buralli é consultor da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS / OMS) na Coordenação-Geral de Saúde Ocupacional do Ministério da Saúde do Brasil (CGSAT / DSASTE / SVS / MS), atuando em diversos temas de vigilância na saúde, saúde ambiental, emergências ocupacionais e de saúde pública. Ela tem um interesse especial em questões relacionadas à saúde ambiental e ocupacional, saúde materno-infantil e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

3. Plataforma de pesquisa para trabalhadores agrícolas para estabelecer danos à saúde no Chile 

cortes

Palestrante: Sandra Cortés, PhD

Bio:  Dra. Cortés é Médica Veterinária, Mestre em Ciências Biológicas e Doutora em Saúde Pública (Universidade do Chile). Ela trabalha como Professora Associada no Departamento de Saúde Pública da Pontificia Universidad Católica de Chile. Dr. Cortés é Pesquisador Associado do Centro Avançado de Doenças Crônicas e da Coorte Maule (MAUCO) e Pesquisador Associado do Centro de Desenvolvimento Urbano Sustentável. Ela também é a Diretora Acadêmica do Diploma de Saúde Ocupacional da Universidade Católica (http: //educacioncontinua.uc. Cl / 39087-tab-nuevo-diploma-em-saúde-ocup … ) e Pesquisadora-chefe da Rede Chilena de Pesquisadores em Trabalhadores na Agricultura.

4. Discussão

ana maria mora

Moderadora: Ana María Mora, PhD – representante de ISEE-LAC

Estava: Dra. Mora é pesquisadora do Centro de Pesquisa sobre Meio Ambiente e Saúde Infantil da UC Berkeley (CERCH). Ele obteve seu diploma de Medicina pela Universidade da Costa Rica em 2005 e seu Ph.D. em Epidemiologia pela Escola de Saúde Pública da UC Berkeley em 2014. Seus estudos estão focados principalmente nos efeitos sobre a saúde da exposição a substâncias tóxicas ambientais. como pesticidas, metais e ftalatos, em populações vulneráveis. Dr. Mora é um co-investigador de dois estudos de coorte de nascimento: o Programa ISA na Costa Rica e o Estudo do Centro de Avaliação da Saúde Materno-Infantil de Salinas (CHAMACOS) na Califórnia, Estados Unidos. Atualmente faz parte do Comitê Executivo do Capítulo LAC do ISEE.

Agenda

Hora Atividade Responsável
12:00 – 12:10 Boas-vindas, introdução, apresentação dos palestrantes
 
Julieta Rodriguez
12:10 – 12:30 Exposição ocupacional e ambiental a agrotóxicos e efeitos na saúde de agricultores familiares no Brasil Rafael Buralli
12:30 – 12:50 Plataforma de pesquisa para trabalhadores agrícolas para estabelecer danos à saúde no Chile Sandra Cortes
12:50 – 13:20 Discussão Ana maria Mora
13:20 – 13:30 Fechando Ana maria Mora

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s