CNPq descontinua componente que informava impacto das publicações dos pesquisadores na base Lattes por erros e incompletudes de informações

light-in-the-dark

Até muito recentemente, a Plataforma Lattes do Conselho Nacional Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) possuía um componente que informava o número de citações dos artigos inseridos pelos pesquisadores em seus currículos acadêmicos. Mas quem quiser acessar essa informação agora encontra a seguinte e prosaica advertência

Citações: Acesso temporariamente indisponível em razão de erros e incompletudes das informações do DOI, ISSN, página inicial, edição e volume de parte dos currículos registrados na Base.

Em outras palavras, os pesquisadores brasileiros estão preenchendo seus currículos de forma incompleta, omitindo informações básicas, mas essenciais, de seus artigos científicos, e impedindo assim que se determine o impacto do que está sendo publicado. 

Uma pessoa mais desinformada poderia se questionar sobre a importância desse fato. Eu começaria pelo fato de que o chamado “Fator H” (Aqui!) que é usado para estimar o grau de impacto das publicações incluídas pelos pesquisadores em seus currículos, sendo assim um dos indicadores básicos para o próprio CNPq decidir quem recebe ou não recursos oferecidos por aquela agência de fomento, a começar pelas cobiçadas “Bolsas de Produtividade” .

Há que se lembrar que as bolsas de produtividade representam não apenas um ganho extra e isento de recolhimento de imposto de renda, mas que acabam orientando toda a concessão de financiamentos nas diferentes modalidades que o CNPq premia aqueles pesquisadores que são considerados mais produtivos em seus respectivos campos disciplinares.

Como a Base Lattes já existe desde 1999, a omissão desse dados não deve estar relacionada ao desconhecimento por parte da comunidade científica da forma correta de se realizar o preenchimento dos currículos. Mas se não é desconhecimento, então o que é? 

Até que esse componente seja restabelecido, a pergunta que se faz é a seguinte: como irá o CNPq determinar o tão decantado mérito científico que, em última instância, baliza todo o sistema de premiação e distribuição de recursos públicos para a comunidade científica brasileira? A ver!

Um comentário sobre “CNPq descontinua componente que informava impacto das publicações dos pesquisadores na base Lattes por erros e incompletudes de informações

  1. Pingback: No Direto da Ciência, professor emérito da UNB coloca o dedo na ferida | Blog do Pedlowski

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s