Rede Globo não consegue esconder mais seu medo patológico de Lula

lula globo

Enquanto as manifestações toleradas pelo PSDB e outros partidos da direita fazem vítimas com a violência descontrolada contra quem ousa vestir roupas na cor vermelha, a Rede Globo utilizou nesta quinta-feira (17/03) praticamente todo o espaço do chamado “Jornal Nacional” para apresentar novas e velhas gravações telefônicas envolvendo o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva. 

Essa operação de destruição de caráter já beira o que se chama em inglês de “overkill” que é quando, por exemplo, alguém exagera no número de tiros dados contra outra pessoa ou um animal.

Uma leitura rápida dessa tentativa de assassinato de caráter em horário nobre é simplesmente a vontade dos donos da Rede Globo de apressar a queda do governo Dilma. Mas como para isso é preciso dobrar Lula e o que ele representa para milhões de brasileiros pobres, a opção então é usar à exaustão as gravações entregues a eles pelo juiz-justiceiro Sérgio Moro.

Eu já que outro motivo, talvez o mais essencial, é que os donos da Rede Globo temem ao extremo o poder de Lula em mobilizar os mais pobres. Ainda que desde que no governo federal Lula tenha adotado o estilo “Lulinha paz e amor”, há sempre o temor de que ele use o seu poder de convencimento para mostrar ao Brasil o que Leonel Brizola mostrou já em 1982 e pelos anos que viveu depois de governar o Rio de Janeiro pela primeira vez.

briza

Estou falando do caráter intrinsecamente antipopular da Rede Globo. Em outras palavras, o que os donos da Rede Globo sentem em relação à Lula é aquele tipo de medo que Regina Duarte dizia ter em 2002. Medo, muito medo!

Algum tempo atrás publiquei aqui nesse blog uma análise de que as elites estavam se arriscando a exagerar na mão em seus ataques a Lula, dando-lhe um poder ainda maior para futuras escolhas de candidatos, ainda que momentaneamente neutralizado. E me arrisco a dizer que o tamanho do “overkill” que foi cometido hoje pela Rede Globo já assegura que Lula será um eterno e doloroso espinho na garganta da família Marinho. 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s