RioPrevidência: depois da ponte aérea Rio-Delaware, o mundo

presale_rio_oil_finance_trust_series_20141

Minha recente postagem sobre o imbróglio envolvendo a criação do chamado Rio Oil Finance Trust cuja principal caução são os recursos do RioPrevidência chamou a atenção de um leitor deste blog que vem pesquisando há algum tempo este imbróglio. Pois bem, esse leitor me enviou a cópia digital do registro do Rio Oil Finance Trust no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (ver imagem abaixo),

rio oil finance trust

Esse documento traz duas informações interessantes. A primeira é que o Rio Oil Finance Trust está sediado na cidade de Wilmington no estado de Delaware que fica na costa leste dos EUA. A segunda é que a pessoa que responde pelo Rio Oil Finance Trust não é, ao que tudo indica, membro do corpo gestor do RioPrevidência, como eu esperaria, mas de uma importante escritório de advocacia sediado na cidade de São Paulo.

Mas para quem acha, como eu, que nesse caroço tem angu, eu encontrei a Rio Oil Finance Trust listada na Bolsa de Luxemburgo, onde podemos verificar pela imagem abaixo, duas datas importantes: a de sua criação (20/06/2014), e a de seu encerramento (06/07/2024).

rio oil lux

 

A pergunta que me vem à mente é a seguinte: esse negócio envolvendo os recursos do RioPrevidência foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro ou não? É que me parece bastante singular que tenhamos a criação de um fundo de investimento nos EUA cuja base operacional são os recursos do RioPrevidência que, como mostra o extrato acima, está listado na bolsa de Luxemburgo que, diga-se de passagem, é a principal bolsa europeia para negociação de títulos de seguridade.

E, finalmente, como ficam os aposentados do RioPrevidência diante do cenário que se esboça com a retenção de recursos para pagar os fundos abutres? É que pelo jeito, essa situação não vai melhorar e, aliás, tem todo o jeito de que vai piorar.

Na parte que me toca, já que sou servidor público estadual e tenho descontos mensais para teoricamente assegurar a minha aposentadoria, a sensação que tenho neste momento é que estou sendo forçado a contribuir para um fundo de previdência que quebrou e esqueceu de me avisar.  O fato é que tenho a sensação de que quando 2024 chegar, eu não terei muito o que comemorar!

 

8 pensamentos sobre “RioPrevidência: depois da ponte aérea Rio-Delaware, o mundo

  1. […] minha postagem anterior (Aqui!) coloquei a questão de necessidade da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) ter […]

  2. SÉRGIO disse:

    Estou estarrecido como esta sacanagem passou pela ALERJ e os deputados nada fizeram para impedir são todos farinha do mesmo saco.

  3. Ramalho disse:

    Isso tudo que está acontecendo com o ESTADO é por conta da falta de comprometimento de nossos gestores com o dinheiro público, também a certeza da impunidade, pois vivemos em um país que essa prática é comum. Ainda que certo adágio “farinha pouca meu pirão primeiro” recai bem sobre a farra das finanças do Estado, mas essa farinha que podemos chamar de dinheiro dos inativos, fazia parte do interesse coletivo dos servidores e fora usado para outros fins.
    Diante de tudo isso, quem será penalizado, ps recursos do RIO PREVIDÊNCIA voltarão para os cofres desse mesmo fundo, por conseguinte como ficarão os futuros inativos.

  4. […] como eu já mostrei diversas vezes neste blog (Aqui!, Aqui!, Aqui!, Aqui! e Aqui!), uma das reais causas desta crise é a peculiar operação de captação […]

  5. […] dólares no paraíso fiscal de Delaware via o chamado “Rio Oil Finance Trust” (Aqui!, Aqui e Aqui!). […]

  6. […] A principal causa dessa situação foi a realização de uma operação nebulosa para captação de recursos em mercados internacionais via a criação do “Rio Oil Finance Trust” no paraíso fiscal de Delaware, situado na costa leste dos EUA, e que já foi abordado por mim em diversas postagens  (Aqui!, Aqui!, Aqui!, Aqui! e Aqui!),. […]

  7. […] onde ficou determinada que a Operação Delaware que eu tanto mencionei neste blog (Aqui, Aqui!, Aqui!, Aqui! e Aqui!) causou um rombo bilionário nas contas do […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s