Campos dos Goytacazes no ritmo do “circo sem pão”

Enquanto a mídia corporativa nos campista distrai com as idas e vindas de Anthony Garotinho no sistema prisional, a fila de famintos no Jardim São Benedito não para de aumentar. Mais um excelente serviço da gestão do jovem prefeito Rafael Diniz que fechou o Restaurante Popular Romilton Bárbara contrariando uma promessa de sua plataforma de campanha.

A partir dessa constatação é que fica evidente que o ódio que transparece contra Anthony Garotinho em notas jocosas travestidas de informação jornalística se dá mais pelos seus acertos do que pelos seus erros. Esse ódio tem uma clara conotação de classe e do mesmo tipo destinado, por exemplo, a Lula e outros personagens que na história brasileira tentaram, ainda que precariamente, minimizar a fome que aflige boas parcelas da população brasileira.

Mas para não perder a oportunidade, convido aos leitores deste blog que façam um esforço de solidariedade e apoiem materialmente o trabalho comunitário desenvolvido pelas freiras do Jardim São Benedito. É que em meio à falência óbvia do aparelho governamental em impedir o recrudescimento da fome no nosso município, há que se recorrer à solidariedade ativa.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s