Obama vai para Cuba e rouba um dos últimos bordões da direita brasileira

Enquanto no Brasil a direita está envolvida numa tentativa de golpe parlamentar contra Dilma Rousseff, as cenas vindas de Havana, mostram o presidente estadunidense marchando célere pelas ruas molhadas da capital cubana. 

Mas o que Barack Obama não sabe é que com essa histórica visita, a primeira de um presidente à ilha em 88 anos, é que ele está roubando um dos maiores, e certamente últimos, da direita brasileira, o “Vai para Cuba!”.

É provável que depois da ida de Obama a Cuba, os líderes da  tentativa da derrubada de Dilma vão querer ir a Cuba, nem que seja para fazer um pit stop antes de se dirigirem para Orlando onde irão visitar o Pateta, símbolo apropriado para a visão de país que temos visto sendo apresentada nas  raivosas manifestações que a direita brasileira vem realizando desde que Dilma Rousseff tomou posse no ano passado. 

Abaixo algumas imagens da visita de Obama a Cuba.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s