Aula Magna da UENF de 2019 será proferida por um dos seus fundadores, o Prof. Carlos Eduardo de Rezende

A ideia em torno do que se convenciona chamar de “Aula Magna” é de se ter uma personalidade com representatividade dentro de uma instituição para enviar uma mensagem aos alunos ingressantes.  Em função disso é que não tenho dúvida de afirmar que a escolha feita pela reitoria da Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf) para o ano letivo de 2019 não poderia ter sido melhor. 

IMG-20190227-WA0084.jpg

É que o encarregado de dar as boas vindas aos alunos ingressantes é um dos fundadores da instituição, o professor Carlos Eduardo de Rezende. Poucos sabem, mas ele participou do processo de formulação do projeto revolucionário que Darcy Ribeiro pensou para a Uenf nas reuniões que ocorreram Fundação de Apoio à Escola Pública (Faep) ao longo do ano de 1992.

O professor Rezende também estava no grupo de professores que escolheram viver em Campos dos Goytacazes já a partir de 1993 quando ocorreu a aula inaugural da Uenf. Desde então, ele estabeleceu uma carreira científica sólida, e que teve como ápice, ao menos  em minha opinião, ser um dos líderes da pesquisa que confirmou a existência de um complexo sistema de corais no delta do Rio Amazonas, descoberta que quebrou um paradigma no estudo deste tipo de organismo.

Mas além de ser um cientista rigoroso e possuidor de uma visão compreensiva do processo de desenvolvimento da ciência brasieira, ele é principalmente um apaixonado pela Uenf, e pelo que a instituição significa para o processo de desenvolvimento social do Norte e do Noroeste Fluminense. Por isso, em todos os grandes momentos de conquistas, mas também de crises, Carlos Eduardo de Rezende foi uma presença constante, fosse como dirigente institucional ou como líder da associação de docentes.  

Por estarmos em um momento em que a Uenf se ressente de um longo período de ataques que contribuíram para um inevitável processo de inquietação e desalento é que considero a escolha de um dos seus fundadores para proferir a Aula Magna de 2019 mais do que acertada. É que tenho certeza que ele colocará em primeiro plano o sonho que Darcy Ribeiro transformou em realidade, e das tarefas que o tempo presente apresenta para manter esse projeto vivo em sua forma pública e gratuita.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s