Pareceres de pesquisadores da UFRJ apontam para série de riscos no novo porto em Macaé

Recebi hoje dois pareceres que considero tecnicamente sérios e bem desenvolvidos a respeito do segundo EIA/Rima do Tepor que está em processo de licenciamento ambiental para ser construído em Macaé, ambos elaborados por pesquisadores do Núcleo em Ecologia e Desenvolvimento Sócio-Ambiental de Macaé (NUPEM) da UFRJ/Macaé.

Irei disponibilizá-los em breve através deste blog, pois considero que o debate público em torno das consequências potenciais de mais este empreendimento portuário não pode restrito ao empreendedor e os órgãos ambientais que hoje praticam uma modalidade de licenciamento ambiental que eu alcunhei de “licenciamento ambiental Fast Food”.

De toda forma posso adiantar que existem vários problemas apontados que, se não forem tratados de forma efetiva, renderam problemas gravíssimos não apenas para Macaé.

2 comentários sobre “Pareceres de pesquisadores da UFRJ apontam para série de riscos no novo porto em Macaé

    • Eu não tive acesso ao EIA/RIMA em questão, mas conheço pessoalmente alguns dos pesquisadores que fizeram os contra-pareceres relatados nesta postagem e os reputo como sérios e guiados por critérios estritos de validade científica. Por isso, creio que os alertas deles deveriam estar sendo internalizados pelo INEA e não sendo simplesmente atacados como anti-desenvolvimento.

      Curtir

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s