A região Amazônica continua queimando no Brasil, um mês após a proibição pelo governo Bolsonaro

A floresta tropical no Brasil ainda está em situação de crise. Mesmo um mês após a proibição de corte e queima, a região Amazônica está em chamas.

feuer 3

Um mês após a proibição das queimadas , a Amazônia brasileira ainda registra um alto número de incêndios ilegais. “Os números mostram que a estratégia do governo não é eficaz para conter a destruição da floresta com a maior biodiversidade do planeta”, disse Christiane Mazzetti, porta-voz da campanha do Greenpeace Brasil na Amazônia.

feuer 1Homem passando de motocicleta por uma área de floresta devastada pelo fogo. AP

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, que avalia dados de satélite , detectou 20.473 incêndios entre 16 de julho e 15 de agosto . Só nos primeiros 15 dias de agosto, ocorreram mais de 15.000 incêndios .

Esta é uma redução mínima de 8% em comparação com o mesmo período de 2019. No entanto, nesta época do ano passado não houve proibição de queima, nem o governo enviou militares para combater as chamas.

Bolsonaro defende exploração da Amazônia

Em 16 de julho, o governo brasileiro proibiu a queima de áreas na região amazônica e no Pantanal, maior mangue do mundo, por 120 dias. No entanto, era questionável se o Brasil realmente intensificaria seus esforços contra os incêndios. O presidente Jair Bolsonaro é um defensor da exploração econômica da Amazônia.

feuer 2Uma área de queima de floresta em Nova Maringa, Brasil. – dpa

Seu governo planeja posicionar as forças armadas do país na região amazônica até 2022 . Segundo ambientalistas, as Forças Armadas que estão em cena desde maio podem conter a destruição ilegal da floresta por pouco tempo, mas não podem substituir o trabalho das autoridades ambientais enfraquecidas pelo Bolsonaro.

fecho

Este artigo foi escrito originalmente em alemão e publicado pelo portal de notícias suiço “Nau” [Aqui!].

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s