Notícias da ADUENF: Professores da UENF entram em greve por tempo indeterminado

Em uma assembleia que contou com a participação de mais de 120 professores, e após uma exaustiva discussão sobre como enfrentar a grave crise causada pela falta de pagamento de salários e bolsas, foi aprovada a proposta da diretoria da Associação de Docentes da Universidade Estadual do Norte Fluminense (ADUENF) de entrada em greve por tempo indeterminado.  Isto implicará na suspensão imediata das aulas dos cursos de graduação e pós-graduação.

A decisão por ampla maioria foi alcançada após a diretoria da ADUENF apresentar um balanço das reuniões realizadas na Secretaria Estadual de Fazenda em que ficou evidente a indisposição do governo Pezão de sequer apresentar um calendário para o pagamento dos quatro salários devidos aos professores.  Nesse quesito causou especial comoção a afirmação do chefe de gabinete da Secretaria Estadual de Fazenda de que a decisão de pagar ou não os salários dos professores da UENF  é uma “decisão de governo”.

Um aspecto que ficou bastante claro na assembleia é que a ampla maioria dos professores presentes considera inaceitável  o tratamento que tem sido dispensado à UENF, não apenas no tocante ao atraso dos salários dos servidores e bolsas que sustentam os estudantes, mas também na falta de repasses financeiros para a instituição custear suas atividades essenciais.

O Comando de Greve da ADUENF realizará uma primeira reunião nesta 6a. feira (04/08) para organizar um cronograma de atos políticos para pressionar o governo Pezão a mudar sua atitude em relação às universidades estaduais.

A UENF é um patrimônio da população do Rio de Janeiro e não aceitaremos a sua destruição de forma passiva. Essa é a mensagem que emerge de uma assembleia histórica e que certamente terá fortes repercussões na luta em defesa da UENF.

FONTE: https://aduenf.blogspot.com.br/2017/08/professores-da-uenf-decretam-greve-por.html

3 pensamentos sobre “Notícias da ADUENF: Professores da UENF entram em greve por tempo indeterminado

  1. joao.denes@gmail.com disse:

    Por quê não fecha logo essa UENF?…uma vergonha esse estado…5 greves em menos de 4 anos

    • Vergonha é que o (des) governo Pezão vem fazendo com as universidades estaduais e com a rede de escolas da Faetec. Se puder, por favor, proteste com ele sobre a deflagração de mais esta greve, já que após 3 meses sem salários não temos mais como continuar trabalhando. É que até onde eu saiba, o trabalho escravo é ilegal no Brasil. Ainda….

  2. Fillipe Godoy Azeredo disse:

    É muito triste o que vem acontecendo. Lembro da década de 90 (meus tempos de estudante de ensino médio) quando a UENF serviu de inspiração para muitas pessoas aqui do Norte/Noroeste Fluminense e Sul Capixaba. O sonho de fazer uma graduação pública virou realidade para muitos amigos aí. O descaso é gritante, uma violência! A ideia de fechar fará que a população fique muito mais atrasada do que já está! Quantas pesquisas, quantos projetos, quanta produção científica e pessoas que desenvolveram-se intelectualmente e estão trabalhando por todo o mundo? A UENF é uma produtora intelectuais de padrão mundial! Todo respeito à UENF!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s